22. dez, 2015



Há mulheres que dizem:
Meu marido, se quiser pescar, pesque,
mas que limpe os peixes.
Eu não.
A qualquer hora da noite me levanto,
ajudo a escamar, abrir, retalhar e salgar.
É tão bom, só a gente sozinhos na cozinha,
de vez em quando os cotovelos se esbarram,
ele fala coisas como "este foi difícil" "prateou no ar dando rabanadas"
e faz o gesto com a mão.
O silêncio de quando nos vimos a primeira vez
atravessa a cozinha como um rio profundo.
Por fim, os peixes na travessa, vamos dormir.
Coisas prateadas espocam:
somos noivo e noiva.



Adélia Prado
16. dez, 2015

Já és minha.
Repousa com teu sonho em meu sonho.
Amor, dor, trabalho, devem dormir agora.
Gira a noite sobre suas invisíveis rodas
e junto a mim és pura como âmbar dormido...
Nenhuma mais, amor, dormira com meus sonhos...
Irás, iremos juntos pelas águas do tempo.
Nenhuma viajará pela sombra comigo, só tu.
Sempre viva.
Sempre sol...
sempre lua...
Já tuas mãos abriram os punhos delicados
e deixaram cair suaves sinais sem rumo...
teus olhos se fecharam como duas asas cinzas,
enquanto eu sigo a água que levas e me leva.
A noite...
o mundo...
o vento enovelam seu destino,
e já não sou sem ti senão apenas teu sonho...

Pablo Neruda
15. dez, 2015

"Prefiro a poesia. Um risco, um rabisco. E, depois disso, a eternidade.
(Leonardo da Vinci)
"

15. dez, 2015

"Amo como ama o amor. Não conheço outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga além de que te amo, se o que quero dizer é que te amo?

(Fernando Pessoa)"

"

13. dez, 2015

"Os livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas.
Os livros mudam as pessoas.

"

Caio Graco